Agora o cliente tem(nta) sua vez

A partir do primeiro dia de dezembro as novas regras para os call centers começaram a funcionar, ou pelo menos tentar.
Tais medidas são referentes aos serviços de
telemarketing de empresas de telefonia, televisão por assinatura, planos de saúde, aviação civil, empresas de ônibus e energia elétrica.
Uma das medidas mais interessantes é o prazo máximo de um minuto para o contato direto com o atendente, mas para bancos e cartões de créditos o tempo é de 45 segundos.
Assim, as empresas tentarão melhorar seu atendimento, que na maioria das vezes, nos faz esperar por vários minutos no outro lado da linha ouvindo alguma música nem sempre tão interessante assim, passando de atendente a atendente sem ninguém resolver seu problema.
Desligávamos o telefone insatisfeitos, sem resolver os problemas e com uma péssima imagem da empresa.
A esperança, mesmo sabendo que muitas destas empresas ainda não se encaixaram no modelo, é essa lei, já que se elas não se adequarem terão que responder aos órgãos de defesa ao consumidor pagando altas taxas de multas.

Diretoria de Comunicação
Anúncios

Uma resposta em “Agora o cliente tem(nta) sua vez

  1. Estou enfrentado um problema relacionado e esta noticia me deixou um pouco esperancosa.Bem interesante, porem ‘e uma pena que as empresas precisem ser punidas para que respeitem seus clientes.Acredito que tratamento adequado, sem enrolacoes e tranferencias, evitando o desgaste do consumidor,’e muito mais valioso do que posterios tentativas de reconquista destes, com “agrados”.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s