13/04 – As barreiras da Comunicação Intercultural

Em um momento em que as economias mundiais tornam-se mais interdependentes (por meio de formações de blocos), e os processos de mundialização e globalização estão claros, observamos um significativo aumento de empresas que se consolidam internacionalmente. Nesse contexto, a gestão da comunicação do profissional de Relações Públicas deve ser analisada de forma particular, por meio da compreensão entre os povos, utilizando-se de ferramentas próprias, ajustadas às culturas, respeitando aspectos sociais, políticos e ambientais, garantindo a concretização de uma comunicação eficiente.

Atuando em diferentes esferas como: organizações internacionais (como a ONU), em organizações multinacionais, nas relações entre os governos (diplomacia entre países) e nas interações entre indivíduos de diferentes nações (turismo, esportes, etc), o relações-públicas deve transcender as barreiras encontradas (estereótipos, etnocentrismo e choques culturais entre as sociedades) e promover atividades de intercâmbio comercial e industrial melhores, além de ampliar os níveis de cultura geral, facilitando o acesso aos produtos culturais.
A comunicação intercultural e suas abordagens será discutida no primeiro dia do evento Meeting 2010, que contará com a presença de profissionais de Relações Públicas atuantes em agências de comunicação.

Júlica Scherer Sadi
Aluna 5ºtermo Relações Públicas – Unesp
Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s