Imagem institucional e gestão de crise

Hoje muito se fala em gestão de crise, mas o que é crise? Crise é um ou um conjunto de acontecimentos inesperados e indesejados que acabam se tornando públicos e que podem vir a provocar sérias conseqüências financeiras e também à imagem institucional da organização envolvida se não for bem gerenciada.

Sabe-se que o ideal seria que toda organização tivesse um modelo de prevenção de crises e tivesse também um setor de comunicação preparado para lidar adequadamente com elas. Mas essa não é a realidade de muitas, que, em uma situação de crise, precisam contratar profissionais capazes de encarar a opinião pública com postura e agilidade.

Em um cenário de crise o recomendável é que todas as informações sejam transmitidas por uma única pessoa, o porta-voz da empresa. Este porta-voz deve saber exatamente de todos os fatos que levaram à crise; deve ser transparente, nunca mentir; deve ser claro, se assegurando assim que esteja sendo entendido; deve atender às solicitações de entrevistas da imprensa, para evitar a impressão de que tem algo a esconder.

O departamento de comunicação também tem um papel essencial nesse processo de gerenciamento de crise. Ele utilizará de ferramentas importantes para contornar a situação, como: preparar releases, notas e depoimentos; formular esclarecimentos para serem publicados; se necessário, estruturar um serviço de call center para atender o público, atualizar sempre a imprensa e os demais públicos sobre os fatos, através dos veículos de comunicação disponíveis.

Com as últimas crises que ocorreram, temos visto como o mundo digital tem papel importante nesses casos, visto que os internautas usam o cyber espaço para expor suas opiniões e que isso pode afetar diretamente a imagem da empresa envolvida, por isso é tarefa também desse setor monitorar essas mídias, corrigir eventuais erros e boatos que venham a surgir e esclarecer tudo da forma mais rápida e clara possível.

Portanto, é preciso que a empresa dê, através de todos os veículos e ferramentas de comunicação que dispõe, de forma estratégica e rápida, esclarecimentos para seus públicos, para que os boatos e especulações não prejudiquem ainda mais a situação e consequentemente, sua imagem.

Quer saber um pouco mais sobre como a gestão de crise influencia na imagem institucional e como é possível transformar uma crise em case de sucesso? Então não perca o Meeting 2012.

Cybelle Gomes

Diretoria Financeira

Referências

ROSA, Mário. A Síndrome de Aquiles – Como lidar com as crises de imagem. São Paulo, Editora Gente, 2001.

Smettolkit

Blog Prof. Artur Reis

Anúncios

Uma resposta em “Imagem institucional e gestão de crise

  1. Pingback: Uma nova sondagem – 2013 em revista | Bibliblog

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s